jogatina

Em alusão ao Dia da Visibilidade Trans (29/01), a jogatina, por meio das secretarias dos Direitos Humanos e Assistência Social (Sedhas), da Cultura e Turismo (Secult) e da Juventude, Esporte e Lazer (Secjel) realiza uma semana temática de atividades a partir de 24 de janeiro. São parceiros, na realização, o Fórum Sobralense de Discussão de Gênero e Diversidade (Fogen) e a Associação Mães da Resistência.

Com o tema “Nas entrelinhas da Transformação - Vitrine da Vida”, as atividades buscam discutir a acolhida à população trans nos diversos espaços da sociedade. Durante a Semana da Diversidade Sexual, em agosto de 2021, o município avançou em pactuar com o Centro de Referência da Mulher na realização do acolhimento da população lésbica, bissexual, transexual e travesti na unidade. Posteriormente, também foi construído, com os movimentos e com a Secretaria da Saúde, o fluxo de atendimento à população LGBTQIAP+ nos serviços de saúde.

“Temos como objetivo, com o evento, avançar nas políticas públicas para a comunidade trans, levando em conta que tivemos avanços recentes na gestão, como a lei que garante o uso do nome social por servidores municipais. Além disso, com o Governo do Estado, estamos mapeando a população LGBTQIAP+ de Sobral, na busca por conhecer melhor e incluir essa população”, afirma Rogers Saboia, do Núcleo da Diversidade Sexual.

 “O Brasil segue sendo o país com maior número de assassinatos de pessoas LGBTQIA+, segundo relatório de associações que atuam com a causa”, completa Rogers, para falar da importância de discutir o tema na sociedade.

PROGRAMAÇÃO

24/01 – Programas de rádio;

Lançamento de vídeos de abertura (performance de pessoas da comunidade trans e falas institucionais).

25/01 – Cards  Explicativos sobre a retificação nominal.

8 h – Formação com alunos da Escola Estadual Dom José Tupinambá da Frota.

Vídeo sobre a importância da retificação nominal.

26/01 – 8:30h às 15 h – Formação com coordenadores das unidades da Sedhas sobre tira-dúvidas do preenchimento do Questionário da Pesquisa Estadual da População LGBT+.

19 h – Oficina Ballroom no Mapa do Museu Madi.

27/01 – 15 h – Encontro de discussão com a CREDE 06 sobre as temáticas de nome social e outras pautas pertinentes ao acesso e permanência de alunos e alunas trans nas escolas estaduais (Local: Escola Elza Goersh, em Forquilha).

19:30 – Live: Família, Convivência e Resistência (Apoio: Mães da Resistência).

28/01 – Live: 19:30 – Fé e espiritualidade: (re)construindo a transexualidade.

29/01 – Exposição fotográfica (Boulevard do Arco).

Facebook
YouTube
jogatina Mapa do site